Notícias

11/12/2017

Presidente do AGUASPARANÁ participa de entrega da ampliação do Centro de Triagem Acaresti em Santa Terezinha de Itaipu e autoriza compra de caminhão coletor

O presidente do Instituto das Águas do Paraná, Iram de Rezende, participou nesta sexta-feira (08), da solenidade de entrega da ampliação das instalações do Centro de Triagem de Materiais Recicláveis da Associação de Catadores de Recicláveis de Santa Terezinha de Itaipu (Acaresti). Além da ampliação foi entregue também a readequação completa de sua estrutura, que passa a oferecer um amplo espaço, com maior conforto e segurança aos trabalhadores do setor.

Com a ampliação em 770 metros quadrados e investimentos de mais de R$ 1,1 milhão, resultado do convênio firmado com a Itaipu Binacional, toda estrutura passou por requalificação, ficando com uma área total de 1.285 m², permitindo a implantação do que há de mais moderno em equipamentos, favorecendo as condições de trabalho, higiene, fluxo de entrada e saída dos materiais, garantindo uma qualidade de vida melhor às 40 famílias que tiram desse trabalho seus sustento.

Para o presidente do AGUASPARANÁ, a nova conquista do município é fruto de um esforço conjunto realizado por meio de iniciativas que geram parcerias de resultados. "Vi aqui o resultado de muito trabalho, que envolveu a parceria preciosa entre a Itaipu Binacional, o município e também o governo do Estado. Essa é a nossa prática de fazer as coisas acontecerem. Foi um resultado transformador. Estamos muito orgulhosos em fazer parte desse projeto e a população está feliz. Essa é a busca de todos", destacou Rezende.

O prefeito Claudio Eberhard, ressaltou que a destinação de resíduos sólidos é uma atividade econômica em Santa Terezinha de Itaipu, que gera empregos, valoriza o ser humano e o inclui socialmente. "Nosso município é pioneiro nesse processo. O programa é um sucesso e queremos replicar esse modelo para o Brasil", disse.

O superintendente de Obras da Itaipu Binacional, Newton Kaminski, salientou a satisfação de ver o resultado do projeto. "Não basta pensarmos apenas na infraestrutura, nos materiais e nos equipamentos. Temos que pensar nas pessoas, no envolvimento daqueles que fazem a diferença. Essa é a consolidação que começou há muitos anos e temos como desafio estender essa experiência para toda região Oeste. O que vemos aqui, nos dá esperança e nos faz acreditar cada vez mais na viabilidade deste projeto".

Durante o evento, foi também assinada a autorização do governo do Estado para a compra de um caminhão para a coleta seletiva, no valor de R$ 299 mil, fruto de um convênio entre o município e o AGUASPARANÁ, celebrado em novembro no Palácio Iguaçu. Na oportunidade foi ainda entregue mais um caminhão para coleta de resíduos sólidos, por meio de um convênio com a Funasa - Fundação Nacional de Saúde, e firmados convênios entre a Acaresti e a Itaipu Binacional, no valor de R$ 642,903,50 mil para a aquisição de mobiliário para o centro de visitantes, implantação de sistema de energia solar e reuso da água, tornando o local ainda mais sustentável e um dos mais modernos do Brasil.

Entre os convênios assinados, equipamentos e obras entregues, a cidade de Santa Terezinha de Itaipu, foi contemplada com mais de R$ 2,5 milhões. Com a expansão da coleta seletiva, a Acaresti passou de 30 para 120 toneladas por mês, sendo que só em novembro foram recolhidos 135 toneladas. Com a remodelagem do Centro de Triagem, a meta é alcançar 150 toneladas/mês.

Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.